Notícias

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2017 tem cinco associados SICAV entre seus finalistas

Por SICAV

Cinco produtoras associadas do SICAV estão indicadas ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2017 em oito diferentes categorias, que vão de Melhor Longa-metragem de Ficção a Melhor Roteiro Adaptado. São elas:

  • TV Zero, por Nise - O Coração da Loucura - Indicado a quatro categorias: Melhor Longa Metragem de Ficção, Melhor Direção de Fotografia, Melhor Figurino e Melhor Trilha Sonora Original.
  • Afinal Filmes, por Eu Sou Carlos Imperial - Indicado a duas categorias: Melhor Longa-Metragem Documentário e Melhor Montagem Documentário.
  • Migdal Filmes, por Minha Mãe É Uma Peça 2 - Indicado a duas categorias: Melhor Longa-Metragem de Comédia e Melhor Roteiro Adaptado. 
  • Zazen Produções, por Curumin - Indicado a duas categorias: Melhor Longa-Metragem Documentário e Melhor Montagem Documentário.
  • Giros, por Menino 23 - Infâncias Perdidas no Brasil - Também indicado a duas categorias: Melhor Longa-Metragem Documentário e Melhor Montagem Documentário.

O GP celebra sua 16ª premiação no dia 05 de setembro, em cerimônia no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, e presta quatro homenagens a nomes importantes do cinema brasileiro: o ator Antonio Pitanga, grande representante do movimento Cinema Novo, com mais de 50 filmes em seu currículo, e que também será homenageado pelo Festival de Cinema de Gramado. A atriz Helena Ignez, ícone dos filmes de Glauber Rocha e do Cinema Marginal e fundadora da produtora Belair. O grupo de salas de cinema Severiano Ribeiro/Kinoplex, que completa 100 anos em 2017 e está presente em 19 cidades brasileiras. E ainda a Cinemateca Brasileira, responsável por catalogar e preservar a memória da produção cinematográfica brasileira, com acervo de mais de 245 mil rolos de filmes. 

Confira a lista completa de indicados ao Prêmio: http://academiabrasileiradecinema.com.br/confira-os-finalistas-do-gp-2017/